estuque projectado

Orçamento Gesso ONLINE, Gesseiro-Estuque

Orçamento Gesso ONLINE, Gesseiro-Estuque
5 (100%) 1 vote

Gesseiro

Profissional em extinção no mercado hoje em dia

A construção civil, a exemplo de outros seguimentos tem se desenvolvido e apresentado inovações atrativas no que diz respeito a quesitos como durabilidade, beleza, fácil manuseio e principalmente baixo custo. Porém, existem elementos que não podem ser deixados de lado (pelo menos por enquanto) e esse é o caso do bom e velho gesso.

Considerado como sendo um dos materiais de construção mais antigos fabricados pelo homem, o gesso é fruto da desidratação por aquecimento (a 160ºC aproximadamente) de um mineral denominado Gipsita, que depois é quebrado até tornar-se o pó fino que conhecemos.

Ruínas turcas e sírias nos contam que esse pó fino e branco vem sendo usado em edificações que remontam (pasmem) a oito mil anos antes de Cristo. Foram encontrados vestígios da utilização do gesso também nas ruínas de Jericó, nas pirâmides do Egito, em barragens feitas na antiga África e em construções francesas do século XII. Mesmo sendo produzido de forma rudimentar e empírica até meados do século XVIII, esse velho amigo dos construtores e artistas nos faz pensar se não seria o ofício de Gesseiro (e não aquela outra atividade), a profissão mais antiga do mundo…

 

POR QUE SE TORNAR UM GESSEIRO ?

            Brincadeiras a parte, o profissional que aplica o gesso em suas variadas formas, tem sido cada vez mais difícil de ser encontrado no mercado de trabalho. As pessoas têm buscado se capacitar em áreas mais atuais, que operam com recursos mais recentes e tecnológicos como impressoras 3D, sistemas inteligentes de rastreamento de ferramentas, criação de aplicativos que podem ser usados na construção civil, contra pisos que se auto nivelam, tecnologia de comunicação, recursos eletrônicos para controle e fiscalização de elementos de segurança, gestão sustentável de recursos, aplicação de materiais ecologicamente corretos, utilização e operação de equipamentos como drones de monitoramento, dentre outros. Com isso, os materiais e/ou atividades que são usados e/ou realizadas de forma artesanal vêm sendo deixados de lado. Paradoxalmente, um produto que é tão antigo, tem se mostrado cada vez mais presente no futuro da construção civil, seja para construção de divisórias, rebaixamentos ou revestimentos. A conveniência da utilização desse produto dá-se devido a algumas de suas propriedades, tais como:

Boa apresentação:

Após endurecer, o gesso apresenta superfície branca e lisa, proporcionando ótimo acabamento, tanto em painéis e adornos como em revestimentos de argamassa. Este último, quando não revestido de gesso, requer aplicação de massa corrida no processo de pintura para se obter um melhor resultado final, ou seja, a massa corrida é desnecessária quando a superfície é coberta de gesso, conferindo agilidade ao processo de acabamento.

Boas propriedades acústicas e térmicas:

Além de atuar de forma positiva na acústica dos ambientes onde é utilizado, o gesso é também um excelente isolante térmico, sendo um poderoso aliado contra a propagação do fogo em caso de incêndios nas edificações.

Facilidade na moldagem:

Essa propriedade faz do gesso um material totalmente eficaz no processo de fabricação de alguns ornamentos muito usados para efeitos decorativos e acabamentos como sancas e molduras.

Boa aderência:

O gesso adere facilmente ao concreto e à alvenaria. Ao contrário das argamassas convencionais, o gesso pode ser utilizado diretamente como revestimento de paredes de alvenaria, sem a necessidade de aplicação do chapisco. Porém, nesses casos o material deve ser aplicado em uma espessura fina, que exige, portanto, que a superfície (parede ou teto) esteja livre de irregularidades.

Elevada produtividade:

Tudo que qualquer gestor e/ou engenheiro quer é um produto que ofereça baixo custo e alta produtividade. É por essas e outras que o gesso faz tanto sucesso há tanto tempo. Os revestimentos em gesso têm uma aplicação mais fácil e mais rápida, se comparada à aplicação de argamassas convencionais, além é claro de o tempo de cura ser muito menor, possibilitando agilidade na aplicação da pintura.

Relação custo-benefício:

Se posto na ponta do lápis, o custo do revestimento em gesso é menor, se levarmos em conta a massa corrida mais as argamassas convencionais. O mais difícil, porém, tem sido a captação e contratação de um profissional treinado e capacitado para realizar a aplicação do gesso que é exatamente o aplicador de gesso ou, simplesmente, Gesseiro.

            Mas, não se engane. Nem tudo são flores quando se trata desse velho conhecido. A exemplo de tudo na vida, o gesso também tem seu lado “negro” apresentando alguns pontos negativos que, ou limitam sua utilização em determinadas áreas ou exigem certos cuidados:

Umidade:

Com baixa resistência à água, o gesso se dissolve facilmente quando molhado e por isso, não pode ser utilizado em áreas externas devido ao risco de exposição a chuvas. Porém, pode ser utilizado em áreas internas, mesmo com muita umidade, como em banheiros, por exemplo.

Propensão a trincas:

Os revestimentos em gesso não podem ser muito espessos (apesar de poder alcançar até dois centímetros, a espessura ideal do revestimento em gesso é de meio centímetro) sob o risco de trincas. As superfícies a serem revestidas com gesso devem ser bem regulares. Caso não estejam, as superfícies deverão ter suas irregularidades corrigidas através da aplicação do emboço, tornando assim inviável a sua utilização.

Baixa resistência a choques:

Essa é outra desvantagem do gesso, que restringe sua aplicação a áreas que não tenham muita movimentação de pessoas e cargas, diminuindo a possibilidade de choques que venham danificar o revestimento. A aplicação aconselhável é em áreas internas, comerciais e/ou residenciais.

 

COMO TORNAR-SE UM GESSEIRO?

            Como já foi mencionado, o Aplicador de Gesso, ou, Gesseiro tem se tornado um profissional raro e isso torna o investimento em capacitação nessa área ainda mais atrativo. Escolas profissionalizantes como o Instituto da Construção, por exemplo, oferecem cursos de capacitação na área da construção civil, estando presente em várias das principais cidades do Brasil. Essa escola, especificamente oferece um curso de aplicação de gesso acartonado, também conhecido como dry-wall, que é uma tendência do gesso que está em franca ascensão. Cursos sobre outras modalidades de aplicação também são facilmente encontrados em muitas instituições pelo Brasil. É um investimento que, sem dúvida trará retorno garantido ao investidor.

           

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *