estuque projectado

ESTUQUE PROJECTADO PREÇO M2

ESTUQUE PROJECTADO PREÇO M2
5 (100%) 3 votes

Uma excelente opção de revestimento estuque projectado  preço m2 utilize nosso formulario abaixo atendemos em toda grande Lisboa, Cascais, Oeiras, Sintra Estuques tradicional e projetado, Tetos falsos e divisórias em pladur. Ligue já para mais informações

 

[ninja_form id=3]

As inovações no campo da construção civil não param de acontecer. Constantemente são apresentadas novas alternativas a serem utilizadas em todas as etapas, desde a fundação até o acabamento final. Materiais de todos os tipos e composições vêm sendo apresentados para compor a vasta lista de insumos que compõem a estrutura de uma edificação.

O número de habitantes no planeta mais que triplicou nos últimos sessenta anos. Em 1950 haviam 2,53 bilhões de pessoas. Hoje, sessenta e sete anos depois, segundo o site “Worldometers” a população mundial já ultrapassa os 7,5 bilhões. As estimativas para 2050 correspondem a quase 10,0 bilhões de habitantes no planeta, avançando para mais de 11,0 bilhões em 2100.  Obviamente o crescimento populacional está diretamente ligado ao crescimento da construção civil. Este crescimento desenfreado exige a utilização de materiais mais abundantes na natureza, que tenham uma melhor relação custo / benefício e que possibilitem rapidez e agilidade na conclusão das obras. Tais características nos remetem a um velho conhecido dos profissionais do ramo: o gesso. Esse pó branco tem sido tão usado na área da construção e de formas tão diversas que alguns dizem até que estamos na “Era do Gesso”. Mas, qual a relação do gesso com o estuque?

O GESSO E O ESTUQUE SIVAL BR

O gesso é o principal componente do estuque, pois, transmite à mistura algumas de suas importantes características que o tornam um material tão atrativo como maleabilidade, versatilidade, isolamento acústico, rapidez na execução do serviço, dentre outras. Além disso, o gipsita, mineral que dá origem ao produto ainda é abundante na natureza. Somente algumas extratoras e processadoras do material situadas no nordeste brasileiro são capazes de produzir mais de 6,2 milhões de toneladas ao ano.

A exemplo do gesso, o estuque projetado ou manual também não é novidade no ramo da construção, ao contrário, é um tipo de revestimento cuja utilização data de mais de mil anos. Árabes, romanos e egípcios já utilizavam este material diante da escassez de outras opções de revestimento para acabamentos como madeira e pedra.

O estuque projectado é uma espécie de argamassa formada basicamente pela mistura de alguns componentes, tais como: pó de mármore, cal, areia e gesso. A utilização dos componentes na mistura bem como suas respectivas proporções pode variar, de acordo com sua aplicação. Outros aditivos fibrosos ou com diversidade granulométrica também podem ser acrescentados na formulação do produto, conferindo diversidade ao aspecto final da aplicação. O processo de revestimento com o estuque pode ser manual (método mais tradicional) ou através de uma máquina própria, que projeta através de pressão a mistura devidamente pronta contra a superfície a ser aplicada. Mesmo neste último caso, faz-se necessária a aplicação de uma segunda camada, desta vez, manualmente, proporcionando ao profissional aplicador a condição de obter um acabamento mais fino. Ambas as camadas podem ser aplicadas utilizando o mesmo material, porém, há alguns casos em que a segunda camada é composta por materiais de granulação menor que a primeira. Outra diferença importante é com relação à espessura das camadas, uma vez que a segunda camada geralmente é mais fina que a primeira.

 

VANTAGENS DO ESTUQUE

 

            Conheça a seguir algumas das vantagens dessa excelente opção de acabamento:

 

Produtividade elevada:

O estuque  projetado através da máquina confere à operação uma maior agilidade e a capacidade de se cobrir grandes áreas de superfícies utilizando-se baixa quantidade de mão de obra.

Menos desperdício:

Durante a aplicação, a matéria prima é colocada diretamente na máquina e conduzida através de uma mangueira até a pistola de aplicação, que projeta sob pressão o estuque diretamente na superfície, na qual se adere instantaneamente, diminuindo consideravelmente o desperdício por escorrimento ou desplacamento de material. Além disso, o excesso de material retirado através da utilização da régua metálica poderá ser reprocessado, desde que o processo de secagem não esteja muito avançado. Para se evitar a contaminação do produto a ser reciclado é importante que o piso do recinto esteja devidamente forrado com lona plástica, o que garante também a integridade do revestimento do piso, quando for o caso.

Fácil modelagem:

Essa característica permite uma melhor compactação da mistura durante a aplicação, reduzindo a quantidade de volume aplicado por m², além de facilitar a modelagem para garantir a uniformidade no acabamento e a adequação da massa às eventuais formas e desenhos utilizados na superfície.

Isolamento acústico e térmico:

Essa é uma das várias características que a mistura empresta do gesso. Os ambientes onde o estuque é utilizado adquirem excelentes propriedades acústicas. A mistura também ajuda a evitar a propagação do fogo em caso de incêndios, devido ao fato de também ser um excelente isolante térmico, contudo, esta última característica não diminui a necessidade de aquecimento dos ambientes em caso de baixas temperaturas extremas.

Relação custo-benefício:

A utilização deste tipo de material confere várias economias na obra devido a alguns fatores como:

  • A aplicação do estuque projetado pode ser feita diretamente sobre superfícies como concreto, blocos de cimento, blocos de cerâmica ou pré-moldados de gesso, dispensando a utilização de argamassa antes de sua aplicação.
  • Por possibilitar um fino acabamento das superfícies ao final da aplicação, também dispensa a utilização de outros materiais de acabamento como papéis de parede, massa corrida, pinturas, etc.

 

É importante saber que, a exemplo do gesso, o estuque também deve ser aplicado com cuidado em ambientes em que o índice de umidade é alta tais como casas de banho, cozinha e lavanderia, por exemplo, porém, a mistura se comporta melhor em tais ambientes devido ao fato de sua composição conter outros materiais mais resistentes a tais condições.

Preço Estuque M2

            A aplicação de estuque projetado é, portanto, uma excelente alternativa para se inovar através do clássico. Os preços m2 do serviço podem variar, de acordo com a localidade e condições da superfície na qual o material deverá ser aplicado, mas, o valor médio da aplicação do estuque projectado preço m2 gira em torno de 8,50 a 9,50 €, incluindo gastos com material e mão de obra. Há várias empresas especializadas na execução desse tipo de serviço. A internet oferece uma grande variedade delas, mas, é sempre bom contratar a partir da indicação de alguém que já o tenha feito e que esteja satisfeito com o resultado, por isso, antes de procurar nos classificados ou no bom e velho Google, é interessante pesquisar entre as pessoas de suas redes de contato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *